segunda-feira, 28 de junho de 2010


Se tudo for tudo ao contrário do que se espera
Será que o quê que o amor vai entender
Deixar para acontecer com a pessoa certa?
Será que não vai se confundir, trocar as datas
E deixar fluir na hora errada?
E se o coração for outro,
Alguém não tão disposto
De querer um final feliz?

Então valerá a pena se arriscar no tempo
Não acreditar no erro que o destino é capaz,
Então mergulharemos no fundo, naquele profundo,
Insano e doce, desejo intenso, de um pouco de paz
E se o amor soubesse que o tempo aparece
Na face, no corpo e deixa seus sinais?
E se o amor entendesse que felicidade tem pressa
Que em uma hora dessas
Sinto falta demais?
.

3 comentários:

Lucas Tiago R. de Freitas disse...

E quanta falta faz? Muita! Sempre!
Cadê as mãos unidas no caminhar?
Cadê?

Paulinha Leite disse...

LINDO!!!
Uma linda e iluminada semana pra vc! A falta de tempo me faz ficar um pouco ausente, mas sempre que posso, estou aqui prestigiando esse blog que tanto gosto de ler... é impossivel nao gostar! Beijos de sol! :)

confissões de uma adolescente disse...

suas palavras são maravilhosas, demonstram com certeza o estado de espírito de mtas pessoas, inclusive a minha neste momento, admiro seu talento!
bjosss me segue tbm no meu ok?